Entretenimento

Fugindo da Justiça, socialite será julgada a revelia por racismo contra filha de Gagliasso

Dayane Alcantara Couto de Andrade, socialite conhecida pelo nome de Day McCarthy, será julgada a revelia por ter ofendido Titi, filha dos atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank com falas racistas. 

De acordo com o portal Extra, a ação se encontra parada na esfera criminal, mas na esfera cível o processo segue em andamento. A questão, no entanto, é que a ré ainda não foi notificada por não terem encontrado o endereço fixo da socialite. Entende-se, por isso, que ela esteja fugindo da Justiça para não cumprir a possível sentença. 

Em 2017, segundo o portal F5, da Folha de S. Paulo, Day McCarthy utilizou as redes sociais para chamar Titi de “macaca” e afirmar que a criança tinha “cabelo horrível, bico de palha” e que a filha dos atores “tem nariz de preto horrível”. Na época, Bruno e Giovanna acionaram a Justiça pelas falas e pediram uma indenização por danos morais de R$ 180 mil. 

Por meio de um edital público, Day será citada na continuidade do processo, que está nas mãos do juiz Leonardo Ferreira Chaves, da 32ª Vara Cível. Sem apresentar qualquer contestação e por não ter sido encontrada, ela será julgada mesmo sem a sua presença e será representada por um curador especial nomeado. 

BN

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar