Cotidiano

Fique por dentro de cinco hábitos que, de fato, reduzem o risco de câncer

HABITOS ALIMENTARES - GARFOO câncer é uma doença multicausal, associada a hábitos de vida que podem ser alterados, o que faz com que seja possível, pelo menos até um ser ponto, previni-la

Partindo desta realidade, especialistas defendem que a melhor ferramenta para nos protegermos da doença, que se prevê que em 2030 provoque 13,2 milhões de mortes, é manter hábitos de vida saudáveis

Mas, para reduzir o risco de câncer não funciona o consumo “de chá verde, nem de água nem as dietas anticâncer da moda”, afirma Carlos Alberto González Svatetz, responsável da Unidade de Nutrição, Ambiente y Cancro do Instituto Catalão de Oncologia (ICO) e autor principal do livro ‘Nutrición y Cáncer, lo que la ciencia nos enseña’ (‘Nutrição e Câncer, o que a ciência nos ensina’, em tradução livre) ao ABC.

O especialista resume em cinco os conselhos para criar um bom ‘escudo’ contra a doença: manter uma dieta saudável (rica em frutas e verduras), combater o excesso de peso ou controlar um peso saudável, praticar exercício físico regularmente, não fumar e não beber álcool.

Segundo o livro do autor, adotar este estilo de vida reduz o risco de sofrer de diversos tipos de câncer. De fato: reduz em 51% o risco de câncer de estômago, em 37% o câncer colorretal e em 26% o risco de câncer da mama.

Noticias ao Minuto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo