CidadesGeral

Fernando Oliveira: “Dinheiro que se tomava no Banco para se investir na cultura do cacau, era gasto pelos play boys filhos de tais coronéis na Europa”

FERNANADO OLIVEIRA
FOTO – Junício Júnior

O presidente do Partido socialista Brasileiro (PSB) de Jiquiriçá  Fernando Oliveira, comentou em sua página no Facebook o movimento de políticos brasileiros para promover anistia  de débitos de produtores junto ao sistema financeiro nacional, segundo o politico tal ação só vai beneficiar minoria dos produtores de cacau justamente os mais ricos e isso pode ser a volta da velha prática do tempo da ditadura “coronel não paga a Banco”.

Fernando Oliveira disse que  o dinheiro que se tomava no Banco para se investir na cultura do cacau, era gasto pelos “play boys” filhos de tais coronéis na Europa, e a justificação para o não pagamento, era de  que o projeto da Comissão executiva do plano da lavoura cacaueira ( Ceplac) para conter a vassoura de bruxa era falho e os levaram ao endividamento.

Agora segundo Fernando, a orientação mudou para o novo modelo de plantio utilizando-se de clones selecionados, com a promessa de  produtividade garantida .  O problema é o preço, e quem mantem o preços do cacau nesse nível segundo Fernando, são as seis empresas multinacionais que controlam o mercado mundial de cacau e seus derivados e que também financiam a campanha política muitos nestes país.

Candidato derrotado a prefeito  pelo PSB nas eleições 2012 em Jiquiriçá  Fernando Oliveira encerrou o texto fazendo um apelo : “Ano que vem teremos eleição para todas as esferas da poder (Presidente, Governador, Senador, Dep. Federal e Dep. Estadual) esta é a hora de sabermos quem, de fato, está do lado de produtor de cacau na Bahia (mais de 95% são pequenos produtores que não devem nada a Bancos), esses produtores precisam de preço capaz de remunerar o seu trabalho e de sua família. Hoje o cacau é quase na sua totalidade produzido por agricultores familiares. Os poucos coronéis nada mais representam a não ser pela sua vontade de manter os velhos privilégios, representados que são por velhos políticos herdeiros de velhas”  concluiu.

O vale do Jiquiriçá passa por uma crise financeira muito grande devido ao momento vivido pelos produtores, eles reclamam do baixo preço do cacau e ainda dizem que encontram dificuldades para vender, já que o Brasil importa cacau da África mesmo com cacau sendo estocado por não ter saída no nosso país, se não bastasse  isso,  a região sofre com a estiagem que pode comprometer a lavoura cacaueira do primeiro semestre.

Lukasalves.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo