Esportes

Felipe Melo sugere ‘terrorismo’ na mídia e irrita âncora da Globo

Há quem defenda a tese de que jogadores de futebol sejam os piores entrevistados do mundo devido ao modo burocrático, mecânico com que se portam diante das câmeras e dos microfones. Com o retorno de Felipe Melo ao Brasil, essa realidade deve mudar, pelo menos parcialmente.

Alvo constante da mídia pela suposta violência com que atua entre as quatro linhas, o jogador já criticou duramente alguns apresentadores e comentaristas, como os ex-jogadores Neto (Band) e Roger Flores (SporTV).

“Quando eu tô vendo o jogo em casa, eu critico mesmo, faz parte. Mas eu jamais vou dizer ‘esse cara aí é um songamonga, um desastre, um desgraçado’. Isso é falta de respeito com o ser humano. Pra mim não é muito diferente daquele cara que tá soltando bomba ali, daquele outro que pega um caminhão. Isso é maldade”, opinou o jogador.

A declaração não foi bem digerida pelo apresentador do Globo Esporte de São Paulo, Ivan Moré, que na edição desta quarta-feira (18) perguntou ao comentarista Casagrande: “Casa, pelo que eu entendi, esse cara comparou jornalistas que criticam jogadores com terroristas?”

Casagrande minimizou: “Esqueça a proporção do negócio. Ele (Felipe) não soube fazer a comparação. Mas eu concordo plenamente. Comentarista não tem o direito de chegar e dizer ‘esse jogador não serve para jogar nesse time’, ‘esse jogador não joga nada’, ‘esse jogador é perna de pau’, tem que ter respeito mesmo”.

Noticias ao Minuto

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo