Saúde

Farmácia Popular passa a oferecer 95% dos medicamentos gratuitamente

Segundo informações do Ministério da Saúde, remédios destinados ao tratamento de condições como colesterol alto, doença de Parkinson, glaucoma e rinite, entre outros, já podem ser obtidos sem custo em unidades credenciadas.

A partir desta quarta-feira (10), 95% dos medicamentos e insumos disponibilizados pelo Programa Farmácia Popular passam a ser distribuídos gratuitamente.

Segundo informações do Ministério da Saúde, remédios destinados ao tratamento de condições como colesterol alto, doença de Parkinson, glaucoma e rinite, entre outros, já podem ser obtidos sem custo em unidades credenciadas.

A lista completa de medicamentos e insumos disponibilizados pode ser acessada aqui. Já a lista de farmácias e drogarias credenciadas ao programa pode ser acessada aqui. A expectativa da pasta é que cerca de 3 milhões de pessoas que já utilizam o programa sejam beneficiadas. “Em média, isso pode gerar uma economia para os usuários de até R$ 400 por ano”. 

Entenda o Farmácia Popular

O Programa Farmácia Popular atualmente disponibiliza 41 itens, incluindo fármacos, fraldas e absorventes. Até o momento, apenas os medicamentos para diabetes, hipertensão, asma, osteoporose e anticoncepcionais eram distribuídos gratuitamente.

Para os demais medicamentos e insumos, o Ministério da Saúde subsidiava até 90% do valor de referência, enquanto o cidadão cobria o restante de acordo com o preço praticado pela farmácia. Com a atualização anunciada, agora 39 dos 41 itens de saúde podem ser retirados sem custo.

Artigos relacionados

O programa

O Programa Farmácia Popular foi instituído em 2004 com o propósito de oferecer medicamentos e insumos de saúde acessíveis à população. No ano passado, houve a inclusão de remédios para osteoporose e anticoncepcionais no programa. Este ano, foi ampliado para incluir também a distribuição de absorventes para pessoas em situação de vulnerabilidade e estudantes da rede pública.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios