Notícias

Ex-senadora Serys Slhessarenko deixa o PT

A ex-senadora Serys Slhessarenko, do Mato Grosso, deixou o PT por considerar que foi prejudicada politicamente pelo chamado grupo majoritário da legenda, que apoia a candidatura de Lúdio Cabral na disputa pela prefeitura de Cuiabá. “Fui perseguida, isolada e humilhada”, declarou a ex-petista, que apoiará o candidato do PSB, Mauro Mendes, mesmo sem fazer parte da campanha. Ela pertencia à tendência Articulação de Esquerda. Serys disse, em carta aberta, que sempre teve “uma posição de independência face às chamadas tendências do PT e, portanto, nunca me alinhei com o grupo majoritário”, desde o começo de sua militância no partido. Sua saída da legenda acontece dez dias após a “debandada” de 200 petistas, todos do mesmo grupo ao qual a ex-senadora era ligada. Informações do Estadão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo