EducaçãoSem categoriaSlide

Estudantes do IF Baiano, campus Santa Inês se mobilizam por aulas presenciais

Estudantes temem que retorno só ocorra em março de 2022.

Estudantes do  Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, campus Santa Inês estão se mobilizando através das redes sociais pelo retorno das aulas presenciais.

Na manhã desta quarta-feira (27), o estudante Wellington, que acabou de entrar no 3º ano, particiou por programa Acorda Vale, na Radio Interativa, em Mutuípe e quando questionado como foi a experiência da aulas virtuais em 2020 e 2021 ele diz: “Na verdade, 2020 a gente não teve aula, só no final a gente começou o ano letivo…”

“Tem sido muito desgastante acho que para todos os estudantes, ninguém estava acostumando com isso, a gente entende que devido a pandemia foi necessário, mas eu acho que fui muito prejudicial para os estudante, muita gente ficou sem conseguir aprender, eu tenho colegas que todos os dias precisavam andar até as casas de outras pessoas para ter acesso a internet ou computador de qualidade.” Diz Wellignton que é taxativo ao afirmar que não se sente preparado para o ENEM, muito menos para o mercado de trabalho.

“… a gente fez uma pesquisa entre os estudantes, com mais de 200 alunos, hoje tem mais de 500, e cerca de 97% indicou o ensino remoto como ineficiente” Contra argumenta ele, e segue: “o movimento tem sido realizado nas redes sociais, visto que a previsão de retorno ainda é uma incógnita, …a gente teve uma reunião com a diretoria do IF, e nos foi dito quem em 3 de novembro vai retomar no modelo EAD ( a distância), e vai continuar até uma autorização do ministério da educação.”

O estudante apresentou dados relacionados a vacinação de professores e estudantes e defende que pelo menos o retorno presencial ocorra em Janeiro “a gente quer aula o quanto antes, nos foi dito até que se a gente passasse no ENEM, que eles conseguiriam fazer alguma coisa para não precisar terminar todo o terceiro ano, mas eu penso… ninguém está preparado para o ENEM! Eu e nenhum dos outros alunos, acho que poucos alunos se sentem preparados para o vestibular depois de dois anos sem estar nas salas de aula.

Wellington citou as Hashtag #liberapresencialdosifs e #tiraamaodomeuif como forma de ajudar no movimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo