Cotidiano

Em reunião neste domingo, Levy defenderá CPMF e aumento zero para funcionalismo

JOAQUIM LEVYO ministro da Fazenda prepara uma lista com dez medidas que será levada à presidente Dilma Rousseff neste domingo (13), após encontro ocorrido neste sábado (12). Segundo informações do jornal O Globo, entre as ações estabelecidas pelos técnicos da pasta está a recriação da CPMF, conhecida como “imposto do cheque”, e a proposta de não oferecer nenhum aumento aos servidores públicos em 2016.

Leia mais

Irmãs filmam sessão de tortura contra menina de 9 anos

Santa Inês: Motociclista desvia de buraco na BR-420, cai em ribanceira e morre

Com look despojado, Anitta sai para jantar com Paulo Gustavo

Alvo de críticas por parte da base governista, a discussão sobre a reimplantação do tributo já havia sido engavetada em reunião ministerial também feita durante o fim de semana. A ideia do “aumento zero” para o funcionalismo surgiu na Comissão Mista de Orçamento, defendida pelo relator da comissão, deputado Ricardo Barros (PP-RS), após a definição do déficit no Orçamento do próximo ano, de R$ 30,5 bilhões.

Ainda está na relação a alteração na cobrança do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), mudanças no imposto de renda de pessoa jurídica, na contribuição sobre a folha de pagamento e no recolhimento do FGTS. Já o Ministério do Planejamento prepara cortes no orçamento dos demais ministérios e redução nos gastos com empresas terceirizadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo