Cidades

Em avaliação interna, PT 'comemora' desempenho de Vaccari na CPI da Petrobras

JOAO VACCARI NETOO depoimento do tesoureiro nacional do Partido dos Trabalhadores, João Vaccari Neto, na CPI da Petrobras nesta quinta-feira (9) foi avaliado de forma positiva por dirigentes do PT e ministros do governo. Vaccari é réu em um dos processos da Operação Lava Jato sob a acusação de receber propina de fornecedores da Petrobras para abastecer o caixa da sigla em campanhas eleitorais. Em uma sessão tumultuada na CPI, com direito a ratos soltos no plenário, ele reafirmou que todas as doações recebidas pelo PT são legais, feitas por meio de transações bancárias e mediante entregue de recibo. Vaccari disse que tem o apoio do partido para continuar à frente da Secretaria de Finanças, embora alguns correligionários defendam seu afastamento do cargo para não comprometer a imagem do governo petista. De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, apesar de não ter assistido a nenhum trecho do depoimento de Vaccari, a presidente Dilma Rousseff (PT) foi informada por auxiliares de que tudo transcorreu “dentro das expectativas”. O tesoureiro teria recebido treinamento intensivo de perguntas e respostas – técnica chamada de “media training” -, feito por uma empresa de comunicação, em São Paulo. “Foi um depoimento sem surpresas. Ele estava bem orientado, foi econômico nas palavras e se saiu bem”, afirmou o senador Delcídio Amaral (PT-MS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo