Cotidiano

Em assembleia, servidores da UFBA anunciam continuidade da greve

UFBA - ONDINAEm assembleia realizada na manhã desta terça-feira (29), os servidores técnico-administrativos da Universidade Federal daBahia (UFBA) anunciaram que continuam em greve até o acordo firmado com o governo ser assinado.
A assinatura deve ocorrer na quarta (30), em Brasília. Uma nova assembleia dos sevidores foi marcada para próxima segunda-feira (5).
No último dia 22 de setembro, os servidores aprovaram a saída unificada da greve para o dia 30 de setembro, segundo informou o sindicato da categoria (Assufba). A decisão dependia da assinatura do acordo com o governo e da deliberação dos servidores das demais universidades, que ainda não ocorreu. A proposta do governo federal que foi aceita pelos servidores da UFBA foi de reajuste de quase 11% dividido em duas etapas. A principal reivindicação era um reajuste salarial de 27,3%.
Veja também
Em e-mail, sindicato dos professores da Ufba sinaliza fim da greve
Servidores da Ufba podem encerrar greve no fim de setembro
Ufba perde uma posição em ranking e é 15ª melhor universidade do país
O movimento foi iniciado no dia 28 de maio e dura há mais de 120 dias. “Nós não temos ainda a decisão que foi tomada no Brasil inteiro. A nossa indicação é pela saída unificada e eu acredito que, devido à conjuntura atual, isso vá ocorre. De maio para cá, a situação econômica e política piorou muito. Mas se as outras universidades não saírem, não sairemos sozinho”, disse Renato Jorge, coordenador-geral da Assufba. G1

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar