Cotidiano

Em 24 horas, brasileiros resgataram R$ 900 mil de dinheiro ‘esquecido’

Apesar do “apagão” no site do Banco Central (BC) devido à grande quantidade de acessos simultâneos, os brasileiros conseguiram resgatar, em menos de 24 horas, cerca de R$ 900 mil em dinheiro “esquecido” por meio do Sistema de Valores a Receber (SVR).

O novo sistema — que foi tirado do ar pelo BC até que os problemas técnicos sejam solucionados — permite ao cidadão consultar se tem algum valor a receber de instituições financeiras das quais tenha sido cliente em algum momento.

De acordo com o BC, há cerca de R$ 8 bilhões parados em bancos e demais instituições financeiras, que teoricamente poderiam ser sacados a qualquer momento.

Em menos de 24 horas, foram 8,5 mil solicitações de devolução de valores “esquecidos”. Os brasileiros que conseguiram completar a solicitação vão receber os recursos, via Pix, em até 12 dias úteis.

Segundo o BC, o serviço será retomado “o mais breve possível”. “Essas demandas representam um pequeno primeiro passo frente ao potencial de R$ 3,9 bilhões e 28 milhões de CPF e CNPJ nessa primeira fase”, informou a instituição em nota.

Enquanto o serviço esteve em funcionamento, 79 mil pessoas conseguiram consultar o SVR, de acordo com o BC.

O Registrato, sistema do BC que fornece extrato das informações de uma pessoa com instituições financeiras, abriu essa funcionalidade. Até agora, a ferramenta só permitia consultas sobre dívidas, abertura de contas bancárias e remessas de dinheiro ao exterior.

Para reaver os recursos, o cidadão poderá pedir o resgate de duas formas. A primeira será diretamente via Pix, na conta indicada no Registrato, caso a instituição tenha aderido a um termo específico com o BC. Nos demais casos, o beneficiário informará os dados de contato no sistema, a instituição e o meio de pagamento ou transferência.

Revista Oeste

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo