Esportes

EA proíbe jogadores e times russos em torneios oficiais no FIFA 22; entenda

A Rússia sofreu mais uma sanção nos jogos e nos esportes eletrônicos nesta quinta-feira (17). Dessa vez, a Eletronic Arts (EA) proibiu a participação de jogadores e times russos e bielo-russos em campeonatos oficiais de FIFA 22 e Apex Legends. Essa é mais uma medida tomada por conta da invasão russa à Ucrânia.

Por meio de comunicado oficial, a desenvolvedora afirmou que continua chocada com o conflito entre Rússia e Ucrânia e que seguirá unindo esforços com outras vozes para pedir o fim da invasão. A empresa informou que decidiu tornar a Rússia e Belarus países não elegíveis para seus campeonatos. Isso significa que jogadores e times não poderão competir na EA Sports FIFA 22 Global Series e no Apex Legends Global Series.

Os Global Series são as séries de eventos globais que abrangem os torneios oficiais dos jogos competitivos da EA. Dessa forma, os jogadores e times russos e bielo-russos não poderão competir em nenhum campeonato da desenvolvedora.

Vale lembrar que essa não é a primeira medida que a EA toma por causa da invasão russa à Ucrânia. No início de março, a empresa, responsável também por outros jogos como The Sims e Battlefield, disse que não seguiria com as vendas na Rússia e em Belarus. Todo o conteúdo da publisher foi retirado da Origin, do aplicativo EA e da loja de jogos.

Além disso, a desenvolvedora removeu os times e a seleção russa do FIFA 22 e excluiu os itens da Rússia do modo Ultimate Team.

Bnews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo