Cotidiano

Dose de reforço ideal é com vacina da Pfizer, alerta infectologista

A terceira dose da Covid-19 segue sendo aplicada em idosos por todo o Brasil. Especialistas afirmam que o imunizante ideal para ser utilizado como dose de reforço é o da Pfizer, inicialmente.

Em entrevista à CNN Brasil, a infectologista da Unicamp e consultora da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), Raquel Stucchi, revelou que isso se deve à tecnologia da vacina de RNA mensageiro.

“Para a dose adicional, o ideal é fazermos uma vacina diferente da primeira dose, porque isso aumenta a resposta do nosso organismo, do nosso sistema de defesa. Estudos mostram que fazer imunizantes de laboratórios diferentes é muito recomendado”, explicou Stucchi.

Segundo a infectologista, estudos comprovam que o imunizante do Butantan não é a melhor alternativa para esse caso. “Temos opções muito melhores que a Coronavac para fazer nos nossos idosos, que estão novamente como um grupo de grande risco de adoecimento.”

Bahia.ba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo