Esportes

Diretor do São Paulo diz que Jean está fora dos planos e manda recado: ‘Que repense o ato horroroso que cometeu’

Após ficar a última temporada emprestado ao Atlético-GO, o goleiro Jean voltou ao São Paulo, mas está fora dos planos do técnico Hernán Crespo e da diretoria tricolor.

No fim de 2019, o arqueiro foi detido pela polícia da Flórida acusado de agredir sua então esposa, Milena Bemfica, em Orlando, nos Estados Unidos.

“Jean não vai ser reintegrado. Vai treinar no CT, não há problema nenhum, mas então procuramos outro caminho. Teve um campeonato excelente, mas no São Paulo, que é justamente onde estava quando o fato ocorreu, o desgaste é muito grande. Torço para continuar sua carreira e sempre repensar o ato horroroso que ele cometeu lá atrás”, disse Carlos Belmonte, diretor do São Paulo, ao canal “Arnaldo e Tironi”, no Youtube.

Milena Bemfica postou vídeos com o rosto machucado em suas redes sociais. Jean apareceu no sistema do Departamento de Correções do Condado de Orange, na Flórida, que compila todas as pessoas na região.

Mãe de duas filhas com o jogador, ela não prestou queixa. Após audiência de julgamento, a justiça decidiu liberar o jogador.

Em dezembro de 2017, o time do Morumbi acertou a compra de 75% de seus direitos do Bahia por 2,5 milhões de euros, algo em torno de R$ 16,8 milhões em valores de hoje.

Espn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo