Sem categoria

Dirceu vai se declarar prisioneiro político e PT vai divulgar manifesto

Condenado por corrupção ativa e formação de quadrilha pelo Supremo Tribunal Federal, o ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, jantou na terça-feira (23) na casa do prefeito de Osasco (SP), Emídio de Souza (PT). À mesa, Dirceu disse que o STF “leva a situação para o pior cenário possível” e comentou que, se for para a cadeia, vai se declarar “prisioneiro político de um julgamento de exceção”, informa matéria do Estadão. Depois do segundo turno da eleição, de acordo com o jornal, o PT divulgará um manifesto em tom duro, com críticas ao Judiciário. A estratégia do partido também prevê a cobrança do julgamento dos réus do “mensalão tucano”, por parte do Supremo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo