GeralNotícias

Dilma pretenderia distância sutil de imagem de Chávez

DILMA & CHAVEZAo deixar a Venezuela sem comparecer à cerimônia fúnebre de Hugo Chávez, a presidente Dilma Rousseff teria enviado mensagem clara a investidores e diplomatas, em uma “modalidade de esquerdismo mais branda”, segundo afirma a agência Reuters neste sábado (9). De acordo com o noticiário, Dilma teria oferecido suas condolências, mas ao mesmo tempo manteve certa distância do legado de Chávez poucas horas após sua morte. Em um discurso, ela expressou admiração pelo líder socialista, mas acrescentou enfaticamente que o Brasil “não concordou inteiramente” com muitas de suas políticas linha-dura. Segundo a Reuters, pessoas próximas a Dilma e Lula dizem que ambos admiravam verdadeiramente Chávez e sua compaixão pelos pobres, e ficaram emocionalmente abalados com sua morte por câncer aos 58 anos de idade. “A mensagem simples é: ‘Somos diferentes'”, declarou uma autoridade brasileira à agência, sob anonimato. “Sim, respeitamos muitas coisas que ele fez, e há uma causa em comum… mas o Brasil não é igual à Venezuela”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo