Cotidiano

Dilma é hostilizada em aeroporto na Espanha: “disseram que teria o mesmo fim que Marielle”

A ex-presidenta Dilma Roussef foi hostilizada durante passagem pelo aeroporto internacional da Espanha. Ela sofreu ofensas verbais e, segundo a filósofa Djamila Ribeiro, que estava no local, um grupo chegou a dizer que Dilma teria o mesmo fim de Marielle.

“Ao sair do guichê, uma senhora nos pergunta: “vocês são brasileiras? Venham xingar Dilma”. Ignoramos e seguimos. Assim que chegamos mais perto, vimos um grupo de brasileiros hostilizando e dizendo coisas horríveis a Dilma. Um deles chegou a dizer que ela teria o mesmo fim que Marielle”, escreveu Djamila.

Um grupo de seguranças particulares se aproximaram para fazer a segurança da ex-presidenta e o grupo começou a se dispersar, mas logo voltaram a atacá-la:

“Assim que nos despedimos, o grupo voltou a gritar e a ofender Dilma. Aí eu me irritei e fui em direção ao grupo. Disse que eles deveriam respeitá-la independente de posição política. Que eles eram desumanos e ignorantes. Quando eu perguntei onde eles tinham estudado política, se fizeram de ofendidos. Uma mulher do grupo me chamou de “tipinho” e eu devolvi”.

A filósofa pediu mais respeito e afirmou que as pessoas estão dominadas pelo ódio: “Dilma nem está mais no poder, sofreu um golpe, Lula está preso, Bolsonaro ganhou a eleição, o que mais essas pessoas querem? Desejar o assassinato dela? É revoltante”, concluiu Djamila.

Confira o vídeo que mostra a ex-presidenta sendo chamada de “bandida” e discutindo com o grupo no aeroporto internacional da Espanha:

Varelanoticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo