Geral

Detento processa presídio para recuperar fotos pornográficas

GRADE CADEIAUm presidiário coreano está processando a penitenciária de Gwanju, na Coréia do Sul, para reaver 200 fotos pornográficas que estavam em sua posse quando ele foi transferido para a cadeia. Segundo o detento de 46 anos, que foi preso por estupro, elas foram confiscadas e por isso ele está privado de itens necessários para a sua vida. De acordo com um porta-voz do presídio os prisioneiros podem ter revistas adultas, mas as imagens encontradas com ele estariam fora das regras. Com informações do G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo