EducaçãoMutuípeSlide

Deputada Maria Del Carmen solicita construção de complexo educacional em Mutuípe

Complexo substituiria o Colégio Professor José Aloísio Dias.

A deputada Maria Del Carmen do (PT), em indicação endereçada ao governador Rui Costa e ao secretário estadual da Educação, Jerônimo Rodrigues, solicitou a construção de um complexo educacional de 2º grau no município de Mutuípe. A petista assegurou que a iniciativa se justifica pela necessidade de oferecer a estrutura adequada para que a rede estadual de educação opere na cidade com ensino em tempo integral, como determinado pela SEC.


Segundo afirma a legisladora, “tal decisão é inviável, pois o Colégio Estadual Professor Aloísio Dias vem enfrentando problemas em sua estrutura física e administrativa”. Atualmente, o colégio tem 865 alunos matriculados e conta com apenas oito salas de aula para atender toda a demanda educacional. A situação é bastante crítica, adverte Maria Del Carmen, preocupada com a superlotação: “São quatro turmas pela noite, seis turmas pela tarde e oito turmas pela manhã. Neste turno das primeiras horas do dia com todas as oito salas superlotadas, com mais de 40 alunos”.


A presidente da Comissão Especial de Desenvolvimento Urbano da ALBA ressalta que a unidade atual também não possui equipamentos e nem um espaço a serviço desses jovens, com possibilidades reais de promover atividades de cultura, lazer, entretenimento, educação, e outras atividades formativas de cunho tecnológico, “em consonância com a proposta de ensino de tempo integral”.


E os problemas não param por aí, alerta a parlamentar, ao salientar que as estruturas do colégio não foram feitas para comportar um quantitativo elevado de alunos por tempo integral. “É necessário um espaço de refeitório que comporte mais alunos, mais banheiros e auditório. É preciso ainda uma quadra coberta para a prática de esportes e atividades culturais, além de laboratórios de ciências e informática”, orienta a petista.


Com relação às questões administrativas no Colégio Estadual Professor Aloísio Dias, a deputada pontua que apenas duas pessoas cuidam da secretaria e administração dos quase 900 alunos. São três funcionários para a limpeza e serviços gerais, dois porteiros para três períodos de funcionamento e cinco pessoas para a cozinha.


“Claramente o colégio de Mutuípe se encontra com problemas para atender à oferta de ensino em tempo integral e para ter as condições mínimas de funcionamento”, acrescenta Del Carmen. Considerando relevante sua proposição, em face do interesse social, a legisladora defende a construção de um novo complexo educacional no município, com infraestrutura física e administrativa adequadas para oferecer uma educação de qualidade e com conforto para os alunos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo