Cotidiano

Demóstenes diz que ACM Neto financiou Caiado e prometeu secretaria de Saúde em Salvador

ACM NETO - MICROFONENo mesmo artigo em que faz duras críticas ao senador Ronaldo Caiado (DEM), o procurador de Justiça Demóstenes Torres afirmou que o prefeito ACM Neto (DEM) financiou a campanha do líder do DEM no Senado e prometeu a ele um cargo como secretário de Saúde em Salvador. Na última eleição, Caiado se candidatou ao Senado pelo estado de Goiás e foi eleito com mais de 1,2 milhão de votos. “Seguirá as ordens de seu chefe político ACM Neto, que financiou sua última campanha em Goiás e que lhe assegurou, caso perdesse a eleição, o confortável posto de secretário de saúde em Salvador, em cuja região Caiado costuma passar suas férias às expensas da empresa OAS”, afirmou o ex-senador em artigo publicado pelo jornal ‘Diário da Manhã’, de Goiânia, nesta terça-feira (31). No texto intitulado ‘Ronaldo Caiado: uma voz à procura de um cérebro’, Torres acusa o senador de ter suas campanhas de 2002, 2006 e 2010 financiadas pelo empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, preso por corrupção e por comandar jogo ilegal em Goiás. Torres também diz que Caiado o traiu no processo que resultou em sua cassação, em julho de 2012. “Bastava afundar-me no buraco e, prazenteiramente, o fez”, relata no artigo.

Um Comentário

  1. Acho que o site deve procurar notícias mais interessantes pra botar no ar.. do que postar artigos de internet sem a supervisão de nenhum dentista…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo