Cotidiano

DEM indicará nomes para novos ministérios; governo promete R$ 4 bi por reforma

Ao recriar os ministérios de Cidades e Integração Nacional, o governo Jair Bolsonaro (PSL) dará a cartada final na tentativa de terceirizar a montagem de uma base que garanta a reforma da Previdência, informa a coluna Painel, da Folha.

Segundo a publicação, os titulares das duas pastas serão indicados pela cúpula do Congresso e devem centralizar a liberação de dinheiro da União para projetos de interesses de parlamentares. Deputados dizem que o governo se comprometeu a liberar até R$ 4 bilhões por meio dos novos órgãos até o fim do ano, destaca o jornal paulista.

Conforme a coluna, a indicação dos ministros caberá aos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Com isso, o governo vai deixar na mão do Congresso a intermediação de pleitos por recursos às bases parlamentares, consolidando o DEM, que já tem três pastas, como o operador político do governo.

Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo