Bahia

Delegado acredita que cantor Netto Paz foi executado

Natto Paz era ex-vocalista da banda Shalom.

O delegado Lane Andrade, responsável pelas investigações sobre a morte do cantor gospel Melchiades Santos Neto – Neto Paz, de 36 anos, cedeu entrevista a rádio Ipiaú FM na manhã desta quinta-feira (26), e afirmou que as investigações apontam para crime de execução, inicialmente acreditava-se na possibilidade de Netto ter sido morto num assalto, mas essa hipótese foi descartada.

Os familiares e amigos chegaram a suspeitar também que o cantor possa ter sido confundido com um traficante do município de Ibirapitanga, que possui um veículo com características semelhantes, mas o delegado também descartou. “Nossas investigações apontam que foi morte premeditada, foi uma emboscada. Por enquanto tudo leva a crer que não houve engano algum”, disse ele.

Nenhum pertence foi subtraído no momento do crime. A filha do cantor de identidade não revelada também foi atingida por um tiro no braço, ela foi socorrida e transferida ao hospital de Itabuna.

Netto era pastor evangélico e já foi integrante da banda Shalom, atualmente ele seguia carreira solo.

O cantor foi atingido por quarto tiros de pistola 380 no trevo de Ibirapitanga, por volta de 18h deste quarta-feira (25), enquanto trafegava por uma rodovia a bordo de um veículo Corolla, Netto Paz chegou a ser socorrido para o hospital, mas já chegou a unidade de saúde sem vida. No carro dele foram encontradas 8 marcas de tiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo