Política

De olho em 2018, Maia e ACM planejam criar um novo partido

Dem se juntaria ao PSB formando uma nova legenda.

Foto: José Cruz/ ABr

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e o prefeito de Salvador, ACM Neto, ambos do DEM, querem criar uma nova legenda, mais robusta, de acordo com a coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo.

A estratégia dos democratas é fazer o DEM se associar a um partido nanico, o que significaria a criação de uma nova sigla e abriria a janela partidária para que deputados pudessem deixar suas legendas originais sem risco de problemas com a Justiça eleitoral.

No PSB, os principais nomes que têm participado das conversas são a líder na Câmara, Tereza Cristina, e o ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho.

Segundo a revista Valor Econômico, no dia 19 de junho, Maia e Neto visitaram Petrolina, em Pernambuco, a convite do ministro e por Bezerra Coelho. Petrolina é reduto eleitoral dos Bezerra Coelho e tem como prefeito Miguel Coelho, irmão do senador. Os dois líderes nacionais do DEM foram convidados de honra do “São João de Petrolina”, uma das principais festas populares do Nordeste. Maia voltou a Brasília no dia 20, já como presidente da República em exercício, com Temer em visita oficial à Rússia.

Ainda segundo a publicação, o flerte evoluiu e na semana passada, no dia 5 de julho, o ministro Fernando Coelho Filho convidou os 14 deputados dissidentes do PSB para um almoço em sua casa, que teve como convidado especial o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Fernando Filho foi líder do PSB antes de se tornar ministro.

Maia espera levar para o DEM os Bezerra Coelho, a líder do PSB, Teresa Cristina (MS), e pelo menos mais sete deputados do total de 14 dissidentes. Entre eles, o deputado Heráclito Fortes (PSB-PI), que já integrou os quadros do partido. Bahia.ba.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar