Cidades

De olho em 2018, Ciro critica possível candidatura de Lula: “Um desserviço”

O ex-ministro e ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT) já mira, de vez, a Presidência da República em 2018. Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, Ciro criticou uma possível candidatura do ex-presidente Lula ao Planalto. Para o pedetista, Lula faria mais mal do que bem ao cenário político atual se for candidato. “O Lula ainda tem força para catalisar a favor e contra ele todo o processo eleitoral.

O que seria lamentável, tanto para o País quanto para ele. Seria um desserviço. Porque, na melhor das hipóteses, ele ganha, potencializando essa hostilidade mesquinha que vai agredir na porta do hospital a mulher dele que estava moribunda”, ressaltou.

Ciro Gomes também não poupou críticas ao presidente Michel Temer (PMDB). Segundo ele, o peemedebista está “envolvido até o pescoço com tudo que não presta”. “Essa gente aí não é nada. Hoje o Congresso é fisiológico e corrupto. Você tem na linha de sucessão delatados: Michel Temer, que eu conheço e sei que está envolvido até o pescoço com tudo que não presta nos últimos 20 anos. Tem o Eunício Oliveira (presidente do Senado), que o Brasil vai conhecer. Chega a ser vulgar e inacreditável como a maioria esmagadora dos senadores vota”, pontuou.

Metro1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo