BrasilGeral

Dayane Pimentel teve reunião secreta com Rui Costa para discutir apoio a candidato do PT em Feira

A presidente do PSL na Bahia, Dayane Pimentel, vem sinalizando veladamente que deve votar no candidato do PT, Zé Neto, no segundo turno da eleição em Feira de Santana (BA). A deputada federal, que foi derrotada na corrida pela prefeitura do município em primeiro turno, afirmou novamente em uma live, na noite desta segunda-feira (23), que não vai votar em branco ou nulo no próximo dia 29 de novembro. Além disso, assegurou que não vai votar no candidato do MDB, o atual prefeito Colbert Martins.

As declarações foram dadas ao lado do ex-deputado estadual Targino Machado (DEM), que também decidiu apoiar Zé Neto (PT) após um arranjo para lá de controverso no município. O posicionamento de Dayane chama a atenção porque ela elegeu-se em 2018 como uma apoiadora feroz e antipetista do então candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro.

o posicionamento de Dayane foi costurado após um encontro secreto dela com o governador Rui Costa (PT) na semana passada. A reunião foi realizada na Governadoria após Rui também se reunir com Targino. Nos bastidores, a avaliação é que ela só não declara explicitamente que vai votar em Zé Neto pelo risco de perder o comando do PSL na Bahia.

Dayane Pimentel rompeu com Bolsonaro outubro em 2019 após o vazamento de um áudio dela durante uma reunião de deputados do PSL. Na ocasião, ela teceu críticas contra o Palácio do Planalto, que tentava obrigar os integrantes da legenda a votar no filho dele, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, para a liderança do partido na Câmara Federal.

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo