Cidades

Dançarina de Funk é assassinada com um tiro na cabeça no Rio

DANCARINA DE FUNK - ASSASSINADAA dançarina de funk Amanda Bueno, de 29 anos, foi assassinada com um tiro na cabeça dentro de casa em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, na noite desta quinta-feira (16). A informação foi confirmada pela DHBF (Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense). O principal suspeito de ter cometido o crime é o companheiro de Amanda, que fugiu. A dançarina já foi integrante dos grupos “Jaula das Gostozudas” e “Gaiola das Popozudas”. De acordo com testemunhas, Amanda foi morta pelo companheiro no jardim de casa. Ele teria fugido após efetuar o disparo. Segundo vizinhos, o casal estava junto há poucos meses. A dançarina foi morta por um disparo de calibre 12. Em 2014, Amanda ficou conhecida por invadir um treino da seleção brasileira em Teresópolis, Região Serrana do Rio. Ela pulou a cerca e driblou a segurança para entregar um CD para os jogadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo