Política

Cortes de ministérios que seriam 10 caem para cinco no governo interino de Temer

temerA faca que o presidente interino Michel Temer (PMDB) passaria nos ministério da presidente afastada Dilma Rousseff (PT) caiu pela metade.
 
O peemedebista iniciou seu mandato tampão alardeando um corte de 10 ministérios na Esplanada, contudo, no fim das contas, acabarão só cinco. Serão 27 pastas, pois já houve a confirmação do retorno do ministério do Desenvolvimento Agrário que havia sido extinto.
 
A pasta será recriada para acomodar aliados do Solidariedade. Dois ministros, segundo O Globo, seguem escondidos pela presidência: as fotos do advogado-geral da União e do presidente do Banco Central, que possuem status de ministros, não aparecem na página oficial do governo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo