Esportes

Contra o Boa, Vitória está pronto para voltar a vencer na Série B

Quatro jogos, três empates e um triunfo. Esse é o retrospecto do Vitória neste segundo turno do Campeonato Brasileiro. E para tentar mudar essa situação e voltar ao caminho dos resultados positivos, o rubro-negro vai encarar nesta noite de terça-feira (10) o Boa, no estádio Manoel Barradas, às 19h30, pela 24º rodada da competição.

Liderando a disputa com 50 pontos, o técnico da equipe baiana, Paulo César Carpegiani, tem uma boa notícia na escalação do time. O zagueiro Victor Ramos, que cumpriu suspensão no empate com o Ipatinga no último final de semana, volta ao time titular no lugar de Rodrigo. Ele terá a companhia de Gabriel Paulista na zaga. Deola, Nino e Gilson completam o setor.

No meio de campo, Carpegiani não inventará e deve manter a mesma formação do no Ipatingão, com Uelliton e Michel na marcação, Pedro Ken e Tartá na armação das jogadas ofensivas para Elton e William.  

Boa sem perspectivas 

Com 28 pontos, a equipe mineira já não tem mais tantas pretensões na segundona. Distante da zona de rebaixamento e ainda mais longe do G4, o time comandado pelo técnico Sidney Moraes desembarca em Salvador para tentar surpreender o Leão da Toca, dono da melhor campanha na disputa.
E para isso, o comandante mineiro terá o desfalque importante do atacante Marcelo Macedo. Vice-artilheiro da Série B junto com Lima, do Joinville, com 10 gols em 19 jogos, o centroavante cumprirá suspensão automática, pois foi expulso na rodada anterior, no triunfo do seu time sobre o ASA.

FICHA TÉCNICA

SÉRIE B

Vitória x Boa Esporte

Data: 11/09/2012

Horário: 19h30

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)

Árbitro: Dewson Fernando Freita da Silva (Asp.FIFA/PA)

Assistentes: Lúcio da Silva de Mattos (PA) e Ailton Farias da Silva (SE)

Vitória: Deola; Nino Paraíba, Gabriel Paulista, Victor Ramos e Gilson; Uelliton, Michel, Pedro Ken e Tartá; Elton e William. Técnico: Paulo César Carpegiani

Boa Esporte: Gabriel Leite, Neílson, Gabriel, Carciano e Radar; Everton, Radamés, Francismar e Petros; Jajá (Vinicius Kiss) e Vanger. Técnico: Sidney Moraes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo