Cotidiano

Concurso da Receita Federal tem salários de até R$ 20 mil

O Concurso Receita Federal foi solicitado no começo de agosto de 2019 ao Ministério da Economia. São, no total, 3.314 vagas, sendo 2.153 para a própria Receita. Os ganhos podem ultrapassar R$ 20 mil, dependendo do cargo. A Receita Federal do Brasil (RFB) sofre atualmente com a escassez de servidores e aguarda análise do pedido pelo governo federal. Atualmente, a Receita está em fase de reestruturação: o número de regiões existentes será cortado pela metade — hoje são dez, ao todo.

Exclusivamente para o órgão, foram solicitadas 1.453 vagas de analista-tributário e 700 de auditor-fiscal. Ambos os cargos podem ser ocupados por candidatos com nível superior em qualquer área. Os salários dos analistas são de R$ 12.142,39. Já o auditor-fiscal tem remuneração de R$ 21.487,09. Os valores incluem auxílio-alimentação de R$ 458 por mês. A contratação é pelo regime estatutário.

Já as outras 1.161 vagas são destinadas à Secretaria da Fazenda, antigo Ministério da Fazenda. Nesse caso, são oportunidades para assistente-técnico administrativo (904 vagas) e analista (257). Quem desejar se candidatar para assistente administrativo terá que ter o ensino médio; analistas, por sua vez, precisam de nível superior.

Hoje, a situação da Receita Federal é preocupante. De acordo com informações da Coordenação de Gestão de Pessoas, o déficit de servidores cresce a cada ano. Atualmente, existem 21.741 cargos vagos, em que 11.325 são de auditores-fiscais e 10.416 de analistas tributários.

O diretor de comunicação do Sindicato Nacional dos Analistas Tributários da Receita Federal (SindiReceita), Odair Ambrósio, destaca: “20% dos auditores, 13% dos analistas e 47% servidores administrativos já podem se aposentar e hoje recebem abono permanência. Em resumo, o órgão responsável por arrecadar, fiscalizar, cobrar tributos e controlar o comércio internacional e as fronteiras do país opera hoje com pouco mais de 40% do efetivo necessário de servidores, com forte restrição orçamentária e está ameaçado a paralisar suas atividades”.

A aprovação é muito aguardada tanto pelos servidores da RFB como pelos próprios candidatos. Isso porque o órgão não realiza nenhum concurso desde 2014. No ano passado, houve um pedido de concurso com 2.083 vagas, divididas entre analista (1.453) e auditor (630). No mesmo ano, o pedido foi aumentado para 5 mil vagas, mas foi arquivado.

Os últimos concursos realizados pela Receita aconteceram em 2012 e 2014. A seleção de 2012 compreendia analista-tributário. As disciplinas exigidas nas provas foram Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Raciocínio Lógico-Quantitativo, Direito Constitucional e Administrativo e Administração Geral. Em 2014, o concurso do órgão foi para a carreira de auditor-fiscal, e os candidatos tiveram que resolver questões de Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Raciocínio Lógico-Quantitativo, Administração Geral e Pública, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Auditoria, Contabilidade Geral e Avançada, Legislação Tributária e Comércio Internacional e Legislação Aduaneira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo