Cidades

Com racionamento em Bangu, Cabral fica dois dias sem banho

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Jorge Picciani, visitou o ex-governador Sérgio Cabral no presídio de Bangu, na semana semana, e ficou impressionado com o que viu.

De acordo com o blog do Moreno no O Globo, Cabral estava desesperado e com medo de sofrer abusos por parte dos outros presos durante o banho.

 

O complexo enfrenta racionamento de água e todos têm que se lavar rapidamente e quase que ao mesmo tempo.

Pelo amor de Deus! Peça pro Pezão mandar de novo um caminhão-pipa para cá. Quando tinha água em abundância, eu era festejado pelos outros presos. Agora, com água racionada, há dois dias que não tomo banho com medo de ser fisicamente molestado por eles.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo