Cotidiano

Com chuva, São Paulo tem 167 km de filas e 89 semáforos com problemas

A chuva que atinge São Paulo desde a madrugada desta segunda-feira (12) prejudica o trânsito e faz com que a cidade registre longas filas. Às 12h45, a capital paulista tinha 167 quilômetros de congestionamentos, segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego).

A cidade tem também um total de 89 semáforos com problemas, sendo que 40 estão apagados e 49 estão em amarelo intermitente.

Há, ainda, nove árvores caídas: na av. Braz Leme; na rua das Flechas; na rua Guaraiuva; na rua Princesa Isabel; na rua Amauri; na rua Dr. Cândido Espinheira; na rua Dr. Luiz Azevedo Filho; na rua Belmiro Braga; e na rua Dom Vilares.

Mais cedo, às 10h, a CET registrou o segundo maior congestionamento do ano no período da manhã: 245 quilômetros. No ano, a maior lentidão pela manhã foi registrada às 10h do dia 23 de maio, quando as filas somavam 249 quilômetros.

De acordo com a companhia, os alagamentos são os principais responsáveis pelo trânsito carregado. Às 13h, o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências) registrava 17 pontos de alagamentona cidade, sendo 16 transitáveis e um intransitável na avenida Otaviano Alves de Lima, na Freguesia do Ó (zona norte).

Por causa da chuva, a Defesa Civil colocou as zonas norte, leste, oeste e central da capital em estado de atenção.

Voos

O aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, chegou a ficar fechado na manhã desta segunda-feira, das 7h23 às 7h48. Depois de reaberto, o terminal passou a operar por instrumentos e assim permanecia até as 12h30.

De acordo com a Infraero, 47 dos 80 voos previstos até as 11h estavam atrasados (58,8% do total), e outros oito voos (10% do total) haviam sido cancelados.

O Aeroporto Internacional de Guarulhos não chegou a fechar, mas opera por instrumentos desde as 9h, segundo a Infraero.

Previsão do tempo

Uma frente fria que avançou da região Sul para o Sudeste chegou até a capital, o que fez com que os paulistanos começassem a semana com muita chuva –na zona sul da cidade, o acumulado em algumas horas já chega a 80 mm, o que representa mais da metade da média para o mês em São Paulo.

A chuva mais forte caiu pela manhã, mas há previsão de pancadas ao longo desta segunda-feira. A máxima hoje não deve passar dos 26°C.

Para terça-feira (13), ainda há previsão de chuva, mas o grande destaque será o frio que chega a região Sudeste. Em São Paulo, as temperaturas devem variar de 17°C a 22°C. (Uol)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar