Cidades

Com autoridade, Tigres vence o Inter e vai à decisão da Libertadores-2015

TIGRES X INTERNACIONALO sonho do tricampeonato da Libertadores não se concretizará para o Internacional neste ano. A vantagem de jogar pelo empate diante do Tigres nesta quarta-feira, no Estádio Universitário, em Monterrey, ruiu após apenas 17 minutos de bola rolando no “Volcán”.

Sem jogar o futebol esperado de postulante ao título da competição, o Colorado foi eliminado pela equipe mexicana, na partida de volta da semifinal restante, ao ser derrotado por 3 a 1. Gignac, Geferson (contra) e Arévalo Ríos marcaram para o Tigres.

O ex-colorado Rafael Sobis ainda perdeu pênalti, enquanto que Lisandro López descontou. Foi, sem dúvida, uma vitória incontestável. Após Cruz Azul (2001) e Chivas (2010), o futebol mexicano volta a ter um finalista de Libertadores.

FICHA TÉCNICA
TIGRES 3 X 1 INTERNACIONAL

Local: Estádio Universitário, em Monterrey (MEX)
Data-hora: 22/7/2015 – 22h (de Brasília)
Árbitro: Carlos Vera (Fifa-EQU)
Auxiliares: Carlos Herrera (Fifa-EQU) e Luis Vera (Fifa-EQU)
Renda/Público: Não divulgados.
Cartões amarelos: Gringo Torres (TIG); Rodrigo Dourado (INT)
Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Gignac, 17’/1ºT(1-0); Geferson (contra), 40’/1ºT(2-0); Arévalo Ríos, 11’/2ºT(3-0) e Lisandro López, 43’/2ºT(3-1).

TIGRES: Guzmán; Jiménez, Juninho, Rivas e Gringo Torres; Arévalo Ríos, Guido Pizarro, Jürgen Damm (Lugo, 38’/2ºT) e Javier Aquino (Damián Alvarez, 29’/2ºT); Rafael Sobis e Gignac – Técnico: Ricardo Ferretti.

INTERNACIONAL: Alisson; William (Rafael Moura, 33’/2ºT), Ernando, Juan e Geferson; Rodrigo Dourado, Aránguiz, D’Alessandro e Valdívia (Alex, 29’/2ºT); Nilmar (Eduardo Sasha, 12’/2ºT) e Lisandro López – Técnico: Enrique Carrera.

Lancenet

Foto – ATP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo