GeralSlide

Ciro diz que não é candidato e desmente comentário sobre Eduardo Campos

CIRO GOMESO ex-ministro Ciro Gomes (PSB) disse que não é candidato à presidência da república em 2014 e afirmou que a informação de que teria dito que o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, não estivesse preparado para o planalto é “falácia”. Durante um evento da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Salvador, realizado nesta terça-feira (26), Ciro declarou que não pretende concorrer aos próximos pleitos por conta de “o meio estar muito desqualificado”. O político, que é também professor, advogado e tem três livros publicados, mencionou a última eleição do senado como agravante para seu momento político. “Como é que pode o senado reeleger na sua maioria um Renan Calheiros?”, questionou. Sobre os rumores de que teria dito que seu correligionário pernambucano não estaria preparado para ser presidente, deu a versão: “Eu não disse que ele não estaria preparado. Ele pessoalmente está preparado para qualquer tarefa. O que eu disse é que os três possíveis candidatos [fala de Aécio Neves, Marina Silva e Eduardo Campos] não têm uma proposta sequer. Os três são muito bem qualificados, bem preparados, mas a minha pergunta é: ‘qual é a proposta? Qual é a ideia? ’”, indagou enquanto reforçava que o fato teria sido gerado pela mídia, que, segundo ele, fez o trabalho da “futrica e da intriga”. Ao falar mais uma vez do próprio partido, Ciro disse que é uma temeridade a agremiação lançar candidato enquanto apoia o governo federal.  “Estamos nós do PSB catando migalhas do banquete fisiológico do PT e do PMDB, não temos a menor influência nos rumos do Brasil e vamos lançar uma candidatura seis meses antes das eleições? Com que coerência nós vamos nos apresentar para a sociedade. Se nós estamos lá dentro é porque estamos aprovando o que está acontecendo aí”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo