Cidades

Cerveró diz que campanha de Lula em 2006 teve propina de até R$ 50 milhões

LULA - BOQUIABERTONestor Cerveró disse a investigadores da Operação Lava Jato que a campanha presidencial de Luiz Inácio Lula da Silva em 2006 recebeu até R$ 50 milhões em propinas.

O valor seria proveniente dos R$ 300 milhões pagos pela Petrobras para a estatal petrolífera de Angola, a Sonangol. Segundo o jornal Valor Econômico, as informações foram reveladas durante as negociações para fechar o acordo de delação premiada.

O ex-diretor da Petrobras soube da informação através de Manuel Domingos Vicente, ex-presidente do conselho de administração da Sonangol. “Manoel Vicente foi explícito em afirmar que US$ 300 milhões pagos pela Petrobras a Sonangol, companhia estatal de petróleo de Angola, retornaram ao Brasil como propina para financiamento de campanha presidencial do PT valores entre R$ 40 e R$ 50 milhões”, diz o texto.

BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo