Saúde

Cannabis medicinal traz alívio para quem sofre com enxaqueca

Terapia canábica tem benefícios para os pacientes; no Brasil mais cidades têm aprovado o fornecimento de medicamentos à base de cannabis pelo SUS, como é o caso de Salvador (BA)

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a enxaqueca é a sexta doença mais incapacitante do mundo. Ela afeta 30 milhões de brasileiros, sendo que as mulheres representam 85% desse total. O tratamento com a cannabis medicinal é uma esperança para quem sofre com a dor de cabeça unilateral, pulsátil e com intensidade de moderada a grave.

É uma alternativa que pode ajudar cada vez mais pessoas diante do avanço no fornecimento dos medicamentos à base de cannabis pelo SUS (Sistema Único de Saúde). Na última semana, o prefeito de Salvador (BA), Bruno Reis, sancionou uma lei que autoriza o fornecimento de medicamentos que contenham em sua fórmula as substâncias Canabidiol (CBD) ou Tetrahidrocanabinol (THC), pela rede municipal de saúde. O estado de São Paulo tem uma lei semelhante, sancionada no final de janeiro.

Frequentemente desafiador, o tratamento para enxaqueca inspira uma série de cuidados prescritivos e às vezes ineficazes. De acordo com um relatório publicado pela Neurology Today em 2020, até 60% das pessoas não conseguem encontrar alívio adequado ou consistente, mesmo com a disponibilidade de medicamentos mais novos e direcionados. É nesse cenário que a cannabis medicinal tem se destacado como uma alternativa terapêutica promissora para quem sofre com as crises de enxaqueca.

LEIA TAMBÉM: Clínico Geral fala de mitos e alertas sobre o Óleo de Canabidiol!

Uma alternativa eficaz

A ligação entre cannabis medicinal e enxaqueca não é nova, já que ela tem uma longa história de uso no tratamento de fortes dores de cabeça, com uma das primeiras menções a ela datando do segundo milênio a.C.

As pesquisas indicam que o sistema endocanabinoide pode interagir com vários processos envolvidos nas enxaquecas, sendo que tanto o CBD (canabidiol) como o THC (tetrahidrocanabinol) têm se mostrado promissores, principalmente quando combinados.
 

De acordo com o médico André Freitas Cavallini, especialista em cannabis medicinal, que atua no tratamento de pacientes com a doença na Clínica Gravital, não é de se admirar que o interesse em terapias complementares à base de ervas e plantas, incluindo a cannabis, esteja crescendo.

“Estudos observacionais mostraram consistentemente os benefícios da cannabis medicinal para pessoas com enxaqueca, incluindo a redução da gravidade da enxaqueca ou frequência mensal, evidenciando, também, que drogas farmacêuticas ineficazes podem ser substituídas com segurança pela cannabis”, diz ele.
 

Em tratamento
 

É o caso do pensionista Benedito Marcelo Martins dos Santos, morador de Ribeirão Branco, interior de São Paulo. Ele, hoje paciente do dr. André, procurou tratamento com cannabis devido às fortes dores na cabeça que o acompanhavam desde 1999, depois de uma cirurgia cerebral decorrente de um acidente. “Já usei os mais diversos tipos de medicamentos, dos mais fracos até os mais fortes, como morfina”, relata ele.
 

Benedito afirma que foi somente no ano passado que ele enfim pôde sentir uma melhora em suas dores, depois que o canabidiol começou a fazer efeito. “Voltou meu ânimo para poder sair de casa, coisa que praticamente no ano passado não fiz, período em que minha dor chegou ao máximo. Hoje me encontro muito bem. Alguns dias tenho dor, mas não chega nem a um terço do que tive durante anos”, diz ele.

“Passei por dores muito fortes nestes anos, várias noites andando sem poder deitar, rezando para que amanhecesse o dia. Só quem teve ou tem dor crônica sabe do que estou falando. Só tenho a agradecer ao canabidiol e ao profissional responsável que encontrei”, finaliza Benedito.

Sobre a Gravital

Fundada no Rio de Janeiro em 2019, a Clínica Gravital é a primeira clínica médica focada em tratamento à base de cannabis medicinal do Brasil. Possui hoje seis unidades no País: Rio de Janeiro, São Paulo, Sorocaba (SP), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS) e Natal (RN). Com uma equipe multidisciplinar, atende pacientes em tratamentos de condições clínicas como insônia, doenças autoimunes, dores crônicas, fibromialgia, enxaqueca, autismo, doenças neurodegenerativas como Parkinson e Alzheimer, entre outras. Lançou recentemente o Clube Gravital, primeiro serviço de saúde por assinatura focado em terapia canábica do Brasil, que visa facilitar o acesso a esse tipo de acompanhamento médico, contando ainda com incentivos para o cuidado com a saúde de uma forma geral.

SERVIÇO

Para conhecer mais sobre a Gravital, visite o site da clínica.

Contatos para público: Fone: 0800 591 7788

WhatsApp: (21) 95901-7011

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios