BrasilCidadesGeral

Cachorro vira mascote de hospital após ficar quase 3 anos na espera de dono

Um cachorro chama a atenção de quem vai ao Hospital Geral Clériston Andrade em Feira de Santana. É que Boby, nome do animal, vive na porta da unidade de saúde há quase três anos.

Segundo a TV Subaé, o cão chegou ao hospital quando o dono, um homem em situação de rua, chegou no local para ser atendido e depois veio a falecer. Funcionários do Clériston contam que o cachorro chegou logo depois que a ambulância que trazia o dono. O fato ocorreu no final de 2017.

Sem encontrar o dono, Boby acabou ficando no hospital e virou uma espécie de mascote. Entre os hábitos do cão, está o de guardar um alimento assim que o recebe. Ele pega e esconde a comida como se lembrasse de ações feitas pelo dono.

Ainda segundo a emissora, mesmo após as obras de ampliação, o cachorro não arredou pé do hospital e chegou a deixar marcas das patas na calçada.  Na inauguração, com a presença do governador Rui Costa, o cachorro chegou a latir para a comitiva que acompanha Rui. 

BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar