Notícias

Cachoeira teria ordenado sequestro, segundo investigações da PF

Escutas telefônicas da Polícia Federal exibidas apontam um lado mais violento do contraventor Carlinhos Cachoeira, até então desconhecido. O material exibido pelo Fantástico, da Rede Globo, mostra o bicheiro, comandante de um esquema que operava jogos ilegais em Goiás e no Distrito Federal, em ameaça a inimigos. Em 2009, durante uma investigação contra ele, Cachoeira é suspeito de organizar um sequestro. Diálogos entre ele e o sargento reformado da Aeronáutica Idalberto de Araújo, o Dadá – apontado como seu araponga e informante – revelam que o grupo teria feito como refém Elion Alves Moreira. Suspeito de que havia fraude em seus caça-níqueis e retirada de dinheiro, Cachoeira quis checar a situação. “O celular dele tá aqui com a gente, entendeu? Então, ele tá sem comunicação com o time dele”, afirma Dadá em uma das conversas. “Pega ele e leva pra outro canto. Até ele contar”, responde o contraventor. Moreira chegou a ser agredido, aparentemente, de acordo com a PF. Já o advogado de Cachoeira negou a agressão e chamou a suspeita dos policiais de “interpretação equivocada dos fatos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo