Cidades

Cabral vai para presídio onde maioria dos presos é ligada ao PCC

Depois de o juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, determinar a transferência de Sérgio Cabral para um presídio federal, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen), órgão vinculado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, informou que ele irá para o Mato Grosso do Sul.

A transferência do ex-governador do Rio de Janeiro para a Penitenciária Federal de Campo Grande deve ocorrer nos próximos dias, mas a data não foi divulgada, por questão de segurança.

De acordo com informações de O Globo, a escolha pela casa de detenção se deu porque a gestão de Cabral foi a que mais mandou criminosos para presídios federais. Enviá-lo a algum presídio com grande número de condenados envolvidos com facções criminosas do Rio poderia representar riscos ao ex-governador.

Ainda conforme o jornal, os presos enviados do Rio de Janeiro correspondem a 30% dos internos nas quatro prisões federais de segurança máxima existentes no país.

O presídio de Campo Grande, no entanto, abriga principalmente detentos ligados ao PCC, que é de São Paulo, além de grupos criminosos do Norte e Nordeste. Com isso, a integridade física de Cabral estaria mais “garantida”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo