EsportesGeral

Brasil perde para Inglaterra no retorno de Felipão

BRASIL X INGLATERRAApós 10 anos do último jogo de Felipão no comando da Seleção, o Brasil enfrentou a Inglaterra, em Wembley. O jogo foi disputado, com uma ligeira vantagem para a Inglaterra, que aproveitou os erros brasileiros e venceu a partida.
O jogo começou quente, com as duas equipes procurando o jogo. No primeiro ataque da partida, a seleção inglesa mandou a bola na área com Johnson, mas David Luiz desviou para escanteio. Na cobrança, Gerrard bate muito forte e a bola sobe. Aos 5’ Neymar triangula com Ronaldinho e recebe na frente, mas o zagueirão Smalling manda pra fora. Na cobrança a zaga afasta. Um minuto depois Neymar recebe um ótimo passe de Oscar, domina com a coxa, mas o goleiro sai pra abafar.
Aos 10’ a resposta inglesa. Gerrard cobrou escanteio,  Rooney subiu pra efetuar o cabeceio e Julio César fez excelente defesa, mas o juiz já havia marcado um empurrão do atacante inglês no zagueiro brasileiro. Aos 17 Ronaldinho troca passes com Oscar e tenta o cruzamento, mas a bola bate no braço de Wilshere e o juiz marca pênalti. Na cobrança, Ronaldinho bate e o goleirão Hart faz a defesa. No rebote, Neymar tenta, mas acaba mandando pra fora. Aos 21 a Inglaterra responde. Wilshere recebe na entrada da área e toca para Welbeck. O grandalhão entra na área, mas manda por cima. Quatro minutos depois o castigo. Rooney recebeu passe no meio campo e tabelou com Wilshere que tocou pra Welbeck. O atacante invadiu, mas Julio César fez a defesa. No rebote, Rooney bateu pra marcar. Inglaterra 1, Brasil 0.
Após o gol, o Brasil recuou e a Inglaterra tomou as ações do jogo, mas sem muito perigo.
Aos 36 uma ótima chance para o Brasil. O goleiro inglês deu um bico pra frente, Oscar recuperou a bola e desceu pela direita. O meia fez belo cruzamento rasteiro pra Neymar, e o atacante livre na esquerda desperdiça o lance e manda a bola por cima. Três minutos depois Oscar faz outra boa jogada pela direita e tocou pra dentro da área, Paulinho dominou e tentou o balão pra dentro, mas o goleiro Hart afasta antes da chegada de Neymar.
O jogo continuou disputado, com as duas equipes procurando o gol, mas sem êxito.
Na segunda etapa, o técnico Felipão fez três substituições, tentando mudar o jogo e empatar a partida. Fred no lugar de Luís Fabiáno, Ramires no lugar de Arouca e Lucas no lugar do Ronaldinho.
Mas quem começou dando perigo foi a Inglaterra. Lampard soltou a bomba de fora, mas Julio César fez a defensa, na sobra David Luiz afastou.
Aos 2 minutos o Brasil empatou. Cahil tentou sair com a bola dominada e Lucas roubou dele. A bola sobrou pra Fred que não perdoou e bateu de esquerda pra empatar a partida. Inglaterra 1, Brasil 1. Após gol, o Brasil tomou as ações do jogo e quase virou dois minutos após o empate. Aos 4, o goleirão Hart tentou afastar a bola, mas ela bateu no zagueiro. Na sobra, Fred chutou no travessão. O Brasil continuou com as ações do jogo, mas a Inglaterra chegava com perigo e conseguiu equilibrar o jogo.

E depois de tanta pressão conseguiu a virada. Aos 14, após jogada de Walcott, o volante Arouca tentou sair tocando, mas Rooney recuperou a bola e tocou pra Lampard, que bateu com categoria pra marcar. A bola ainda bateu na trave antes entrar. Inglaterra 2 a 1. A Inglaterra tomou as ações do jogo e o Brasil só conseguia sair no contra ataque, mas sem nenhum perigo eminente. Walcott levava muito perigo a zaga brasileira, descendo pela direita de ataque da Inglaterra. Aos 37, o Brasil fez bola jogada de triangulação. Neymar tabelou com Daniel Alves que achou Lucas, o meia recebeu e tocou pra Fred, mas o atacante errou o domínio e bateu mal, mandando a bola por cima.

O jogo continuou com domínio da Inglaterra e o Brasil tentava sair no contra ataque. Nos últimos minutos do jogo o Brasil tomou as ações e partiu pra cima. Neymar, Oscar e Fred tentaram, mas nenhum deles conseguiu marcar e empatar a partida.
FICHA TÉCNICA
INGLATERRA 2 x 1 BRASIL
Local: Estádio de Wembley, em Londres (Inglaterra)
Data: 6 de fevereiro de 2013, quarta-feira
Horário: 16h30 (horário da Bahia)
Árbitro: Pedro Proença (POR)
Assistentes: Bertino Miranda (POR) e Tiago Trigo (POR)
INGLATERRA: Joe Hart; Glen Johnson, Gary Cahill, Chris Smalling e Ashley Cole (Baines) Tom Cleverley (Lampard),  Jack Wilshere  e Steven Gerrard;  Theo Walcott (Lennon), Danny Welbeck (Milner) e Wayne Rooney. T: Roy Hodgson
BRASIL: Júlio César; Daniel Alves, Dante, David Luiz (Miranda) e Adriano (Filipe Luis); Paulinho (Jean), Ramires (Arouca), Oscar e Ronaldinho Gaúcho (Lucas) ; Neymar e Luis Fabiano (Fred). T: Luiz Felipe Scolari

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo