Política

Bolsonaro defende Moro como ‘patrimônio nacional’: ‘Se depender de mim, não sai’

Após o ministro Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública) ter prestado esclarecimentos ao Senado na última quarta-feira (19) e afirmar que não tem apego ao cargo, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) saiu em defesa do ex-juiz da Lava Jato. 

“Eu também não tenho apego ao meu cargo. O ministro é livre para tomar as decisões que bem entender. O Sergio Moro é patrimônio nacional e, se depender de mim, não sai”, disse, em entrevista coletiva, após solenidade militar de formatura de sargentos da Aeronáutica, em Guaratinguetá, no interior de São Paulo.

O presidente ainda ressaltou que, “até agora”, não viu nada de mais nas conversas nas conversas divulgadas pelo The Intercept Brasil.

BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo