Cotidiano

Beber em excesso é mais provável depois dos 50, diz estudo

IDOSO BEBENDOAs pessoas com mais de 50 anos que são saudáveis, ativas, sociáveis e com formação acadêmica elevada são mais propensas a sofrer de problemas relacionados com o alcoolismo do que os seus pares menos abastados. É o que aponta um estudo britânico que analisou informaçoes de nove mil pessoas, e conclui que beber álcool em excesso é um ‘fenômeno’ na classe média, como destaca o jornal britânico The Guardian.

O economista Jose Iparraguirre, autor da investigação publicada no site BMJ Open, explica que Beber álcool em excesso pode ser “um problema social e de saúde escondido entre as pessoas mais velhas bem-sucedidas”, cita o mesmo site. “Como este grupo é tipicamente mais saudável do que outros grupos da população mais velha, tendem a não perceber que o que fazem está colocando a sua saúde em risco”, sublinha o pesquisador. (Notícias ao Minuto)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo