Cotidiano

Assessor de Delcídio que gravou conversa com Mercadante é exonerado

DELCIDIO DO AMARALO assessor que gravou a conversa entre o senador Delcídio (ex-PT-MS) e o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, foi exonerado do cargo pelo Senado. A dispensa de Eduardo Marzagão foi assinada pela diretora-geral do Senado, Ilana Trombka e publicada nesta sexta-feira (18) no “Diário Oficial”, segundo o G1. Também foi destituído do cargo o chefe de gabinete de Delcídio, Diogo Ferreira.

Leia mais

Lula diz que bancada do PT tem que colocar medo em Moro

Delação premiada de Delcídio do Amaral é homologada pelo STF

‘Não aguentamos mais esta crise’, diz ACM Neto após protestos contra governo

As imagens gravadas foram entregues à PGR e anexadas à delação premiada de Delcídio na Operação Lava Jato, de acordo com o portal. Segundo o assessor exonerado, o ministro o procurou para oferecer ajuda a Delcídio e assim evitar que o senador fechasse acordo com o MInistério Público para contar o que sabe em troca de uma redução da pena.

Ao G1, Marzagão afirmou que não foi avisado da exoneração e que não quebrou a confiança do Senado. Mercadante afirmou que “jamais” tentou impedir a delação de Delcídio, que trechos específicos da conversa foram divulgados, enquanto outros foram omitidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo