Esportes

As mulheres mais bem pagas do mundo esportivo

(Crédito: Divulgação)

No cenário esportivo, bem como em outras diferentes esferas da sociedade, o trabalho feito por homens recebe uma remuneração maior quando comparado ao recebido pela mesma atividade executada por mulheres. Esse tema é tão profundo que, em diversos países, manifestações são feitas como forma de protesto e slogans como “Equal pay!” (pagamento igual) são usados com frequência em estádios de futebol e outros eventos. 

Contudo, apesar dessa diferenciação, há muitas mulheres que recebem salários altíssimos no universo esportivo. Vale destacar, no entanto, que os rendimentos dessas atletas não são apenas de contratos, mas de prêmios vencidos e de patrocínios, em roupas, calçados e artigos relacionados ao próprio esporte praticado, como raquete, chuteira e outros. Confira, agora, quem são as mulheres mais bem pagas do mundo esportivo.

Serena Williams. A tenista norte-americana venceu mais de 20 Grand Slam, e faturou US$18 milhões entre 2017 e 2018, tendo portanto o maior salário entre as mulheres esportistas no mundo hoje. É bastante comum ver a atleta usando nas partidas uniforme e tênis Nike feminino, já que a marca é sua patrocinadora oficial. 

Caroline Wozniacki. Dinamarquesa, a tenista Caroline conquistou um montante de US$13 milhões no período 2017-2018, sendo que destes, 7 milhões foram de premiações em competições esportivas, e os outros 6 milhões de contratos publicitários com marcas como Rolex e Adidas.

P. V. Sindhu. Não são apenas as tenistas que brilham neste ranking, a jogadora de badminton indiana P. V. Sindhu recebeu um salário de US$ 8.5 milhões no período entre 2017 e 2018, dos quais a maior parte foi resultado dos contratos publicitários da atleta com mais de dez marcas, incluindo Panasonic e Nokia.

Danica Patrick. A norte-americana é a mulher mais famosa do automobilismo atual, e compete na NASCAR. No total, a esportista faturou US$7.5 milhões no período analisado, dos quais US$3 milhões foram por meio do esporte, e o restante por contratos publicitários.

Simona Halep. A romena, atual campeã do Grand Slam de Wimbledon 2019, figura entre as primeiras colocadas no atual ranking de melhores tenistas do mundo. Entre 2017 e 2018, Simona recebeu US$ 7.7 milhões. Destes, US$ 6.2 milhões foram em premiações esportivas, enquanto o restante foi através de contratos e acordos publicitários. Apenas no prêmio deste ano, a romena levou 2,35 milhões de euros, quantia que pode ser traduzida como nada menos que R$12.002.037,50.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo