Cotidiano

Após troca de tiros com a polícia em Belém, assaltante pede e recebe oração de pastor instantes antes de morrer

Ocorrência aconteceu em frente a igreja que o criminoso já havia frequentado com a mãe, no centro da capital.

Um dos suspeitos que participou da tentativa de assalto ao caixa eletrônico da agência da Previdência Social (INSS) na noite de terça-feira (16), em Belém, recebeu um último gesto de misericórdia antes de morrer.

O homem foi baleado durante troca de tiros com a polícia, após a ação criminosa ser flagrada. Ele foi atendido, mas não resistiu aos ferimentos. Minutos antes de morrer, ele conversou com um pastor de igreja evangélica.

Eu estava indo para a igreja quando me falaram o que estava acontecendo. Quando cheguei tinha muita gente, mas alguém me chamou e disse que um deles queria falar comigo“, relata o pastor Zildomar Campelo, que coordena há 15 anos uma unidade da Assembleia de Deus na região.

O jovem estava deitado no chão, ensanguentado, quando Zildomar começou a conversa, que durou cerca de 20 minutos.

Ele ainda estava muito lúcido, disse que queria conversar. Me disse que queria pedir perdão para a mãe dele. Que queria pedir perdão para Deus. Falou que já tinha ido à nossa igreja com a mãe dele. Naquele momento, fiz uma oração, e ele quis se reconciliar com Deus, uma expressão que a gente usa quando alguém se arrepende“, conta.

Fonte: g1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo