Cidades

Após reforma, PMDB pode ocupar um terço dos ministérios

PMDB - LOGOApesar de setores do partido serem abertamente contra o governo federal, o PMDB, além de continuar na base de Dilma Rousseff (PT), deve insistir para continuar com seis ministérios – mesmo que haja um corte no número de pastas.

De acordo com a coluna Radar Online, da revista Veja, o grupo que ainda orbita em torno do vice-presidente Michel Temer crê que é inevitável que o partido perca ao menos duas pastas. Porém, o grupo de Eduardo Cunha não abre mão dos seis ministérios atuais – apesar do próprio Cunha ter apresentado uma PEC para reduzir o número de ministérios para 20.

Com isso, o PMDB seria, além de responsável pela articulação política, dono de um terço da Esplanada – isso, é claro, se a redução for mesmo para algo entre 24 e 29 ministérios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo