BrasilCidadesGeral

Após pedir indenização bilionária, igreja desiste de processo contra Netflix por exibir especial do Porta dos Fundos

Sem meses depois, Templo Planeta do Senhor desistiu de dar continuidade ao processo contra a Netflix, por exibir o especial de Natal do Porta dos Fundos, que brinca com a representação de um Jesus homossexual. 

Por pedir uma indenização de nada menos que R$ 1 bilhão, os custos com os honorários de advocacia ficaram caros. O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro negou o direito à Justiça gratuita, o que resultou em um prejuízo de R$ 82 mil para a igreja.

De acordo com o presidnte do Templo e advogado do processo, Anselmo Ferreira de Melo da Costa argumenta na ação que o episódio “A Primeira Tentação de Cristo” fere a sua fé cristã. As informações são da Veja.

O prejuízo poderia ser ainda maior para a igreja, caso a Netflix ou o Porta dos Fundos fossem notificados pela Justiça: o Templo seria obrigado a pagar os honorários dos advogados da empresa. 

Quem vai até o fim de um processo e perde, pode ter que pagar até 10% do valor da causa a título de honorário.

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo