Cotidiano

Após encontro com Roma em Brasília, Bruno Reis libera servidor para atuar no Ministério da Cidadania

Após encontro com o ministro João Roma (Republicanos) em Brasília, o prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), liberou o servidor Paulo Marcelo Gonçalves Aragão para o Ministério da Cidadania, chefiado pelo deputado federal licenciado.

Conforme publicação no Diário Oficial do Município desta terça-feira (8), Paulo Aragão ocupa o cargo de procurador 2ª classe, da Procuradoria-Geral do Município. A cessão do servidor é até 31 de dezembro de 2022.

No dia 2 de junho, pela primeira vez desde que foi eleito prefeito de Salvador, Bruno apareceu ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e de Roma, após ACM Neto (DEM) romper relações com o ministro da Cidadania. No dia seguinte, Roma articulou um ato de assinatura, junto ao ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, para autorização do início da execução do trecho 2 do BRT da capital baiana.

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo