Sem categoria

Após assembleia, professores federais votam pela continuidade da greve

Os professores da Universidade Federal do Estado da Bahia (UFBA), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), do Instituto Federal da Bahia (IFBA) e do Instituto Federal Baiano (IF Baiano) votaram, por unanimidade, pela continuidade da greve. A decisão foi tomada em assembleia realizada nesta segunda-feira (20), no auditório da Faculdade de Arquitetura da UFBA. Segundo o professor Miguel Acciloy, a contraproposta para o governo e a data para a próxima assembleia ainda serão votadas nesta tarde. “Vamos votar também as datas das próximas manifestações nacionais e locais”, explicou. Na última sexta-feira (17), a paralisação da categoria completou três meses, deixando mais de 62 mil estudantes sem aulas. O secretário de Relações do Trabalho do Ministério do Planejamento, Sérgio Mendonça, retomou hoje (20) as negociações com servidores públicos em greve. Estão previstas também negociações com grevistas à noite. Às 20h, o secretário Sérgio Mendonça encontrará dirigentes da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), representando 18 categorias do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo e carreiras da previdência, saúde e trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo