BrasilGeral

ACM Neto diz que vai ‘jogar duro’ contra a violência caso seja eleito

O pré-candidato ao governo do estado pelo União Brasil, ACM Neto, afirmou que irá ‘jogar duro’ contra a violência na Bahia, caso seja eleito governador. Em uma crítica direta ao governador Rui Costa (PT), o ex-prefeito de Salvador cobrou pulso do chefe do executivo baiano no combate à violência. A declaração foi dada durante entrevista à rádio Transbrasil FM, de Capim Grosso, nesta quarta-feira (18).

“Hoje nos deparamos com problemas muito sérios, muito graves, que não foram solucionados e só têm piorado ao longo desses 16 anos. Essa onda absurda de violência que se espalha no estado é inaceitável. Os bandidos estão, às vezes, mais bem armados que a polícia. Tem lugar que a polícia não entra porque aquele território é dominado pelos bandidos. Eu vejo uma inversão das coisas”, disse o pré-candidato

Segundo ACM Neto, o governador ‘precisa ter coragem para dizer que lugar de bandido é na cadeia’. Em contraste, o ex-prefeito de Salvador declarou que se tiver oportunidade de ser governador vai ‘jogar duro nessa área’.

“Vamos contratar policiais, colocar viaturas nas ruas – que estão paradas por falta de combustível – contratar policiais, contratar delegados, vamos fazer concurso, valorizar a carreira dos policiais e colocar bandido na cadeia, que é o lugar de bandido.”, defendeu. “16 anos foi tempo suficiente, já deu, é hora de iniciar um novo ciclo, um novo momento na política da Bahia”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo