Entretenimento

A Bronkka está fora do Muquiverão por ‘grande número de exigências’

A banda A Bronkka não sai do noticiário e, sempre, com alguma polêmica. Na tarde desta quarta-feira (21), os produtores do Muquiverão 2012 divulgaram que uma das bandas de pagode que mais agrada o público baiano estará de fora do evento. Luciano Paganelli, um dos responsáveis pela festa, sabia que a notícia causaria espanto em muita gente e tratou logo de justificar. Segundo ele, “o contrato não foi fechado devido ao grande número de exigências impostas pelos empresários da banda, ficando inviável a contratação”. Em contato com a assessoria do evento, eles não quiseram esclarecer que imposições eram estas, “por questões éticas. Nós sabemos o que eles pediram e eles também sabem, mas não cabe ficar divulgando”, afirmou a porta-voz dos produtores.

Por sua vez, a assessoria de imprensa da banda também evitou falar sobre o assunto, usando como justificativa o “desconhecimento de tais exigências. Como é que eu posso responder a uma coisa que eu não sei nem o que é, a que ele está se referindo?”, questionou o assessor, também sem enumerar as exigências do grupo de pagode.

Ainda segundo a nota do Muquiverão, A Bronkka não foi vetada e, inclusive, houve o convite para que os meninos integrassem a grade do evento. “Não vetamos A Bronkka do evento. Se a banda não está na grade de atrações do Muquiverão é por conta das exigências do grupo que não conseguimos atender. Assim como eles tem normas, nós também temos os nossos procedimentos a serem seguidos”, ressaltou Paganelli. O Muquiverão será no dia 9 de dezembro (domingo), no Wet’n Wild, com bandas como Psirico, Saiddy Bamba, Black Style, Edcity, Parangolé, Guettho é Guettho, Golaço e Turma do Pagode. O evento ainda contará com o funkeiro Mr. Catra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo